12.6.09

escadaria de hopper e o valentine's day

carta,

não há nada o que comemorar, nem linhas que valham. o espaço de enunciação esgotou os últimos enunciados até a palavra seca. até que seco se tornasse aquele que escreve. desisti da espera e não quero mais a areia que me engole. aliás, fiz da violência uma atitude, pois não mais suportaria ver fio por fio se arrebentando rumo à promessa próxima. e seria prometido para mim que algo acontecesse? como fui tolo em acreditar em lembrancinhas de santos. quanto mais envelhecia a fita no meu pulso, mais jovem era a esperança do retorno. não era um dever que me enchesse de alegria e festejo? mas era de espanto e de angústia que transbordava meu corpo, fazendo-o devolver a vida aos refluxos. tudo porque eu presto serviços a um ditador há muitos anos. enrodilhado numa posta pulsante de carne e músculos, ele prescreve as sentenças de dor e os anos de prisão. torturado eu já fui. prisioneiro de guerra, exilado, mártir. poucas, raras as vezes, por pura obrigação ao meu senhor, fui algoz. há semanas tenho tido úlceras, dores abdominais que me dobram como uma concha, um maremoto de tanta vazante de garganta. então não há nada a esperar e arranco o calendário da parede, a mentirosa do meu pulso. há um império desconhecido em tudo que existe de interior. há um império que agora desprezo. isto não é um dia festivo para quem entrou para milícia. não que eu desacredite dos pedidos, apenas não creio mais em sua realização. um nó e uma fita rompida nunca trariam para perto meu amor, nem arrastariam toda cidade por onde vai até mim. todos os dias visita em mim a morte e morro mais demorado e doloroso toda que vez que parte. em dois, três, pedidos caminhos e carinhos que não são meus, nem teus, nem nossos e de mais ninguém. toda vez que a palavra rasga a frase e corta o envelope não consigo mais: a secura do corpo não faz literatura, nem uma canção para o comboio de flores que abre as ruas neste dia.

2 comentários:

Christiano Scheiner disse...

que é dia
de
ressurreição
(uau!) amei.

UP disse...

Not even finished reading and still listen to my conscience..it'stime to look at the sides, where you can express feelings so well, why not trust them?
"Come to the dark side,we have a cookies..."

Pesquisar o malote